The Wanted: Max George fala sobre o fim da boyband


O cantor Max George, agora "ex-integrante" do The Wanted, deu uma entrevista recentemente, abordando a separação da boyband. Desta vez, Max conversou com o Manchester Evening News. "Nós não queremos chamar de fim, porque queremos voltar a trabalhar juntos", explicou. "Não foi uma decisão fácil para nós, mas ao fazer só mais uma música com a gravadora, ficou claro. Honestamente, não tivemos muita escolha".

O cantor admitiu que os cinco membros, assim como os fãs, ficaram chateados com a situação, mas que "não havia nada que pudessem fazer". Segundo Max, há quem pense que sua carreira solo já está encaminhada, pelas entrevistas anteriores, mas isso não procede. "Acham que tenho um grande plano e que decidi deixar o grupo, mas não decidi nada disso".

George não nega, no entanto, que a separação poderá ser boa para todos. O artista, por sua vez, acredita que é hora de experimentar novos rumos. "Todos queremos tentar coisa diferentes", admite. Agora só falta a última turnê – a de despedida. "É uma coisa estranha. É excitante, porque não fazemos uma turnê há dois anos, mas ao mesmo tempo pensamos que será um adeus. Portanto, é um pouco triste também".

)

Comentários

AS MAIS LIDAS DO DROPS