Drake é processado por uso de sample sem autorização

Complicou para Drake. O rapper e a gravadora Cash Money Records foram processados pelo espólio do jazzista Jimmy Smith. O motivo? O uso do sample da música "Jimmy Smith Rap", de 1982, na faixa "Pound Cake/Paris Morton Music 2", do álbum "Nothing Was the Same". Os representantes do músico afirmam que não houve qualquer tipo de autorização para o sample, e pedem indenização de nada menos que US$ 300 mil.

Mas existe um fato curioso na história. É que "Jimmy Smith Rap", é creditado no álbum do Drake, destacando o trabalho da Atlantic Recording Corp e das Rhino Entertainment Company e da Warner Music Group Company. Apesar disso, o espólio diz que não só não autorizou o uso da música, como nunca recebeu sequer uma solicitação. Quem iforma, é o TMZ. Ouça a música:



Lançado no ano passado, "Nothing Was the Same" alcançou o topo da Billboard 200 e vendeu mais de 1,3 milhão de cópias nos EUA, recebendo certificado de platina. Além disso, emplacou o hit "Hold On, We’re Going Home", e serviu de suporte para uma turnê mundial bem sucedida.

Comentários

AS MAIS LIDAS DO DROPS