Novo álbum de Lily Allen, é dedicado a Amy Winehouse: "Ela virou uma prisioneira"


No dia 5 de maio, Lily Allen vai lançar o tão aguardado novo disco, o intitulado "Sheezus". O material marca o retorno da cantora ao mercado fonográfico, depois de alguns anos dedican-se apenas às tarefas familiares. Em recente entrevista sobre o projeto, Lily confessou que o CD é dedicado a Amy Winehouse.

"Ela não estava em um momento bom quando nos conhecemos, então não sinto que a conhecia totalmente, e sim uma versão da Amy", explicou. "Ela teve que lidar com todas essas coisas 10 vezes mais que eu. Ela vendeu muito mais álbuns que eu, só que não era o que a deixava mais interessante", disse, referindo-se ao excessivo assédio que a cantora sofria.

"Havia muitas pessoas em sua casa 24 horas por dia, sete dias da semana. Eu passava por algo menor que isso e já me sentia presa. Ela não podia fazer nada ou ir para algum lugar sem que houvesse um frenesi; e tudo que ela queria na vida era se divertir e socializar, e no momento que tiraram isso dela... acabou se tornando uma prisioneira."

Comentários

AS MAIS LIDAS DO DROPS