Band já enfrenta problemas com o X Factor Brasil; candidatos bombardeiam Instagram do Simon Cowell para protestarem


Deu ruim! 


As audições pré-seletivas do “X Factor Brasil”, em São Paulo, estão dando o que falar. Muitos candidatos reclamam da péssima infraestrutura para recebê-los no sábado e no domingo na Arena Corinthians. Mais de 15 mil pessoas passaram pela fila, que começou de manhã e varou madrugada adentro. Nesta segunda (11/7), os cantores revoltados decidiram metralhar o Instagram do Simon Cowell, criador do “X Factor” e detentor dos direitos do programa mundialmente. Estão enchendo os posts dele com um único comentário: #stopxfactorinbrazil. O objetivo é chamar a atenção para os problemas ocorridos.

A página oficial do programa no Facebook também está cheia de críticas. Os candidatos reclamam da falta de banheiros químicos (apenas seis para milhares de pessoas), descaso dos produtores do programa e dezenas de horas de pé. Houve quem ficasse 20h em pé na fila, esperando para ser ouvido. Nos testes, só cantavam por 30 segundos e eram dispensados com justificativas, às vezes, sem sentido. Conclusão: armou-se um enorme reboliço.

Nessa primeira fase de testes do “X Factor Brasil”, os jurados Alinne Rosa, Rick Bonadio, Paulo Miklos e Di Ferrero não participaram. Eles apenas passaram pela arena para gravarem VTs para o reality show, que estreia em agosto na Band, com apresentação da Fernanda Paes Leme. Os candidatos foram avaliados por produtores do canal. Dos 30 mil inscritos, foram selecionados cerca de 250 nomes para a próxima fase, que será avaliada pelos júri famoso.

Abaixo, comentários dos revoltados, no Facebook:





Comentários

AS MAIS LIDAS DO DROPS